Animais

Base alimentar felina: saiba tudo o que o gato precisa

Entender a base alimentar felina é necessário para que seja possível fornecer uma alimentação saudável para seu gato! Veja mais aqui.

Anúncios

Conheça tudo o que você precisa para uma base alimentar felina saudável

Base alimentar felina
Base alimentar felina

Cada organismo possui alimentos que lhe beneficiam. A base alimentar felina não é diferente. Afinal, existem nutrientes que não podem ficar de fora para uma vida saudável.

Os gatos são, primordialmente, felinos. Portanto, assim como seus parentes selvagens, eles também precisam de proteínas. Esse é o principal elemento da sua base de alimentação, devendo corresponder a 90% das suas refeições.

Contudo, não são apenas as proteínas que são importantes. Eles também demandam carboidratos específicos e sob controle. Dentre eles, as fibras para o bom funcionamento gastrointestinal. Igualmente, vitaminas, potássio e outros nutrientes.

Dessa forma, fica claro que a base alimentar felina é bastante rica. Apesar de ter um foco, que são as proteínas, ela também precisa de complementos. E eles nem sempre estão presentes da maneira devida nas rações industriais.

Anúncios

O que os gatos podem comer além de ração para compor sua base alimentar felina?

Tipos de alimentação para gatos
Tipos de alimentação para gatos

Pois as rações felinas podem pecar quanto ao controle do equilíbrio dos elementos necessários. Igualmente, costumam contar com alguns produtos que são prejudiciais. Os mais famosos são os colorantes, bem como os conservantes.

Por isso, ao conhecer a base alimentar felina você pode ver formas de melhorar a alimentação do seu gato. Isso é possível pela combinação entre alimentos industriais e outros naturais, que vão além da ração.

Para quem não mede esforços em dar as melhores condições para seu pet, ainda, é possível adotar a alimentação natural. Ela foca em alimentos naturais e não processados, ou seja, in natura. Por exemplo, carnes, legumes, frutas e tubérculos.

Com isso, o seu felino tem acesso aos nutrientes essenciais ao seu organismo sob total controle. Outro ponto interessante é que ele vai diretamente à fonte. Ou seja, come o nutriente de forma natural, sem adição de conservantes ou corantes.

Assim, as proteínas são os nutrientes mais importantes para a alimentação felina. Portanto, é possível complementar a dieta dos gatinhos com alimentos protéicos.

Além disso, existem outros alimentos naturais que podem somar à dieta felina. Com isso, tornam ela mais rica em nutrientes. Isso oferece aos gatos tudo o que precisam para o desenvolvimento completo. Confira, abaixo, algumas opções complementares!

Carnes

As carnes são as principais fontes de proteínas para o organismo humano e, também, para os felinos. Assim, sendo essa a principal fonte de energia para os gatos, saiba que você pode incluí-la na dieta.

Contudo, alguns necessários são cruciais antes de servir carne aos bichanos. Primeiramente, a base alimentar deles requer proteínas, mas cuidado com gorduras. Por isso, evite carne de porco e outras gordurosas.

Dentre as melhores carnes estão as bovinas e magras. Igualmente, de frango, rã e peixes. No caso destes últimos, dê preferência para servi-las desfiadas. Além disso, sempre retire as espinhas dos peixes para evitar que seu gatinho se corte.

A base alimentar felina também dá espaço para miúdos. Dentre os melhores estão moela, coração de frango e fígado. Eles são fonte de ferro e de nutrientes essenciais ao organismo felino.

Por fim, é essencial cozinhar a carne antes de servi-la. Não a ofereça crua. Isso pode causar rejeição e até mesmo vômitos. Outro fator de risco são os parasitas que podem estar na carne e infectar seu gato.

Anúncios

Ovos

Outra opção para enriquecer a base alimentar felina é adicionando ovos à dieta do seu gato. Porém, aqui a máxima é a mesma que no caso das carnes. Somente ofereça esse alimento após cozinhá-lo.

Frutas

Os gatos também podem se alimentar de frutas. Existem diversas que podem oferecer vitaminas e nutrientes essenciais. Por exemplo, maçã, melancia e melão. As duas últimas são grandes fontes de água. É necessário retirar as sementes de todas elas.

Outra opção é banana. Contudo, ofereça essa fruta com moderação. Afinal, ela é rica em frutose, que é o açúcar natural das frutas. Assim, pode aumentar demasiadamente os níveis de glicose do seu pet.

A base alimentar dos gatos ainda aceita pêssego, mirtilo, pêra e morango. De forma contrária, entretanto, os felinos devem ficar longe de abacate e de uvas. Ambos afetam os seus organismos de maneira negativa e podem desencadear doenças.

Anúncios

Iogurte desnatado

Apesar do leite não ser uma boa opção para a dieta dos felinos, o iogurte desnatado é uma ótima alternativa. O seu uso tem indicação para fins de lanches, entre as refeições principais. Contudo, tenha cuidado. Evite gorduras e qualquer tipo de saborização do produto.

Você sabe o que é a diabete felina?

Você sabia que gatos também podem ter diabetes? Sabe como identificar os primeiros sintomas? Sabe como é o tratamento? Descubra tudo sobre essa doença que ataca os gatos,

Saiba 4 componentes para uma base alimentar felina saudável

Base alimentar felina
Base alimentar felina

Por fim, para direcionar da melhor maneira a alimentação do seu gato, veja abaixo quais são os componentes indispensáveis na dieta. Assim, você concede ao seu pet todo o cuidado e os nutrientes necessários ao seu desenvolvimento saudável.

1. Proteínas 

Conforme citamos brevemente, as proteínas são a base alimentar felina. Assim, estão dentre os nutrientes imprescindíveis na alimentação. Aliás, correspondem a 90% da necessidade alimentar do bichano.

As opções são inúmeras e incluem ovos, miúdos, carnes magras, peixes e frango. Todas elas são ótimas fontes de proteínas. Contudo, não se esqueça de sempre cozinhá-las antes de servi-las ao gato.

2. Gorduras

As gorduras também compõem a base alimentar felina. Quando nos referimos a elas, estamos falando de gorduras boas, como lipídios e ácidos graxos dos fosfolipídios. 

Eles aumentam a imunidade do organismo dos bichanos. Porém, sempre escolha boas opções de gorduras que contenham ômega 3 e 6.

3. Carboidratos

Em terceiro lugar, os carboidratos também estão na base alimentar felina e ajudam na energia. Entretanto, sua proporção é muito menor. Eles devem corresponder a, no máximo, 10% da alimentação diária. Em fração superior tendem a prejudicar o sistema gastrointestinal.

4. Vitaminas e minerais são essenciais para sua base alimentar felina

Por fim, os gatos também precisam de vitaminas e minerais. Eles são importantes para o desenvolvimento correto e para o sistema imunológico. Auxiliam no conforto térmico e na digestão de outros alimentos.

Os principais minerais para o organismo felino são o zinco e o selênio. Já em relação às vitaminas, a base alimentar exige consumo de vitamina A, E, e do complexo B.

Recomendações importantes para a dieta felina

A saúde dos gatos depende do respeito às recomendações para dieta felina. Conheça, abaixo, as principais delas para o bem-estar dos bichanos.

Em Alta

content

Como ganhar dinheiro com crochê: confira 5 dicas práticas!

Como ganhar dinheiro com crochê é uma das dúvidas de quem já domina essa arte. Por isso, hoje você vai aprender aqui como fazer isso! Veja.

Continue lendo
content

Maquiagem perfeita: veja 8 dicas incríveis!

Como fazer a maquiagem perfeita? Veja aqui as dicas e toda a preparação necessária para você conseguir uma make incrível!

Continue lendo
content

Unha bailarina: saiba tudo sobre e como fazer!

A unha bailarina é uma técnica que se popularizou muito. Ela tem esse nome pelo formato lembrar a sapatilha de ponta do balé. Saiba mais!

Continue lendo