Dicas

O que é preciso para fazer as unhas em casa?

Fazer as unhas é um hábito que confere higiene e beleza às mãos. E você sabia que é possível fazê-las em casa? Aprenda hoje algumas dicas.

Anúncios

Descubra tudo o que precisa para fazer as unhas bem e em casa

Cuidados em casa com as unhas
Cuidados em casa com as unhas

Você pode fazer as unhas sem sair do conforto do seu lar e sem gastar para isso. Contudo, isso exige algum preparo e conhecimento das ferramentas e técnicas.

Muitas mulheres evitam gastos no salão de beleza com manicure, ao fazê-las em casa. Com isso, podem mantê-las sempre em dia.

No entanto, até mesmo podem arrumar algum estrago da unha feita com profissional antes da secagem completa.

Seja como for, conhecer formas corretas de como fazer as unhas pode ajudar bastante. Você pode usar os conhecimentos para apresentar mãos sempre bonitas para qualquer ocasião. Para isso, entretanto, são necessários alguns materiais.

Apesar de serem vários os instrumentos importantes para fazer as unhas, a grande maioria é barata. Por outro lado, os de valor maior também apresentam grande durabilidade. De qualquer forma, não deixe de conferir se o seu kit para fazer as unhas está completo.

Para providenciar seu kit de manicure e cuidar delas com qualidade, continue lendo. Abaixo você encontra todas as informações para tirar de letra essa tarefa. Com nossas dicas você aprende como fazer as unhas em casa e garante mãos bonitas e asseadas!

Anúncios

Como fazer bem as unhas?

Para fazer bem as unhas é imprescindível a adoção de uma série de cuidados. Eles dizem respeito à higiene dos materiais, às condições em que eles se encontram e aos métodos de aplicação.

Por exemplo, é indispensável que seus materiais estejam limpos. Especialmente o alicate, que é responsável pela retirada das cutículas e pode causar algum tipo de corte. Além disso, o ideal é que somente você faça uso dessas ferramentas, sem compartilhamento.

À higiene se soma a necessidade de extrema atenção. Ao fazer as unhas você lida com diversos materiais. Alguns deles são afiados e pontiagudos. Por isso, sua segurança está em jogo. A concentração, assim, é imprescindível.

Igualmente, é necessário que você conte com bons materiais. Não adianta apenas tê-los e mantê-los limpos. O alicate deve ser afiado. A mesma coisa ocorre em relação às tesouras e cortadores. A lixa deve ser capaz de aparar as unhas. 

Contudo, a qualidade dos demais produtos também importa. É preferencial o uso de removedores de esmalte do que de acetona. Também, de esmaltes hipoalérgicos que não ofereçam risco de alergias e reações na sua pele e unhas.

Qual a melhor maneira de cuidar das unhas?

Pintando as unhas em casa como uma manicure
Pintando as unhas em casa como uma manicure

Primeiramente, o cuidado com as unhas exige inúmeras ações.

Igualmente, que se evitem alguns hábitos. São desde cuidados internos, como referentes à alimentação, quanto externos, como a hidratação.

Contudo, é a soma desses cuidados que permite que você tenha unhas de dar inveja. Afinal, lembre-se de que não basta apenas saber fazê-las em casa. O aspecto, força e comprimento são essenciais para a beleza delas.

Confira, então, algumas dicas que separamos. Com elas você pode conquistar as unhas dos seus sonhos.

E, para isso, não são necessários procedimentos caros ou produtos que fujam da sua capacidade financeira. Nossas dicas são efetivas e simples!

Sobrancelha de henna vale a pena?

A sobrancelha de henna já foi febre. Apesar de encontrar hoje outras concorrentes com o mesmo fim, ainda é uma opção interessante. Conheça mais.

Anúncios

Não roa suas unhas

Em primeiro lugar, caso você ainda roa unhas, saiba que já passou do tempo de parar. Esse hábito abre portas para infecção na região das unhas e cutículas, além do enfraquecimento. Igualmente, leva você à ingestão de microorganismos presentes nelas.

Mantenha suas unhas secas e longe da umidade

Primeiramente, caso você ainda as roa, saiba que já passou do tempo de parar. se hábito abre portas para infecção na região das unhas e cutículas, além do enfraquecimento.

Igualmente, leva você à ingestão de microorganismos presentes nas mesmas.

Promova a limpeza com uma escovinha

É importante mantê-las secas. Portanto, aposte em uma escovinha para limpá-las embaixo. Elas retiram a sujeira e não ofertam perigos de cortes, por exemplo. Faça a limpeza diariamente, no banho e ao lavar as mãos. Também, antes de esmaltá-las.

Melhore a sua alimentação e inclua nutrientes importantes para a saúde das unhas

Outra dica para fazer as unhas ficarem sempre fortes e bonitas diz respeito à alimentação. O fortalecimento depende da ingestão de uma série de nutrientes essenciais. Portanto, dê preferência à ingestão de frutas, legumes e verduras diariamente.

Além disso, aposte em alimentos com vitamina C, complexo B, proteínas, zinco e outros nutrientes. Castanhas, amêndoas, carne de frango e peixes, carne vermelha magra, frutas e folhas escuras são ótimas fontes!

O que não pode faltar para uma manicure?

Cuidado com as unhas das mãos e pés
Cuidado com as unhas das mãos e pés

Agora que você já tem em mãos dicas incríveis para fazê-las, não pode deixar de conferir o que uma manicure precisa. Conforme já dissemos anteriormente, são vários os itens.

Contudo, a grande maioria é barata e, por isso, acessível. Veja:

  • Lixa de unha para dar forma a ela;
  • Espátula para empurrar e/ou levantar as cutículas;
  • Cortador de unhas (ou tesoura ou alicate específico para isso) para a diminuição do comprimento;
  • Alicate removedor de cutículas;
  • Amolecedor de cutículas ou pote com água e sabonete líquido para amolecê-las;
  • Removedor de esmalte;
  • Algodão para aplicação do removedor;
  • Palito próprio para unhas para retirar excessos de esmalte nos dedos e laterais;
  • Base e esmaltes para brilho e cor;
  • Lixa para os pés ou esfoliante próprio para os pés;
  • Lava pés, entre outros.

Com esses equipamentos você poderá deixá-las sempre belas. Eles são de fácil manipulação. Os mais complicados são, sem sombra de dúvidas, os alicates. Porém, conforme já dito, basta dedicação e treino.

Em pouco tempo você perceberá evolução nas suas técnicas de como fazer unhas em casa. Afinal, basta querer e repetir os processos. Ainda, você pode aperfeiçoar seus métodos com o auxílio de cursos.

Alguns deles estão presentes no YouTube ou em plataformas online próprias de forma gratuita. Com isso, você pode aprender com profissionais sem gastar para isso.

Portanto, não perca essas oportunidades para fazê-las com qualidade e sem sair de casa.

5 melhores opções de curso de manicure

Um curso de manicure pode ser o passo inicial de uma carreira profissional de sucesso! Então, não perca tempo e confira aqui tudo sobre a área.

Sobre o autor

Aline Mesquita

Redatora profissional e Analista de Sistemas, apaixonada pela escrita e pelo aprendizado! Especializada em Marketing de Conteúdo e SEO.

Em Alta

content

Melhores perfumes de 2021: veja a lista dos femininos!

Conheça a lista dos melhores perfumes de 2021 femininos, e aproveite para escolher aquele presente especial! Veja mais aqui.

Continue lendo
content

Aves exóticas domésticas: saiba espécies e como cuidar!

As aves exóticas domésticas podem ser criadas em um ambiente propício para manter sua saúde em dia. Veja mais sobre elas a seguir.

Continue lendo
content

Dentes dos gatos: como cuidar da melhor maneira?

Os dentes dos gatos precisam de cuidados especiais, e mesmo que possa ser uma tarefa um pouco mais díficil, é muito importante realizá-la.

Continue lendo

Gatos

Queda de pelos em gatos: o que pode ser e como cuidar?

A queda de pelos em gatos é comum em algumas épocas. Contudo, dependendo da gravidade e das características, precisa de cuidados específicos.

Descubra o que fazer quando há queda de pelos em gatos

Queda de pelos em gatos é motivo para preocupação? Sim, pode ser. Especialmente quando isso acompanha outros sinais, sintomas ou comportamentos.

Existem algumas raças que têm maior tendência na perda de pelos do que outras. Porém, todas elas tendem a perder pelos, por exemplo, em épocas de calor. Entretanto, nem sempre a queda dos fios é normal. Por isso, merece cuidados e observação.

Assim como os demais mamíferos, os gatos “trocam” seus pelos de tempos em tempos. Dessa forma, eles se renovam. Contudo, quando essa queda é excessiva isso não é um bom sinal. E, nesses casos, é preciso tomar algumas atitudes.

Dentre elas estão o exame do corpo do gato, para analisar outros sinais. Ainda, uma consulta veterinária para orientação também é importante. Outros pontos relevantes dizem respeito ao comportamento do felino e à alimentação dele.

Em suma, existem vários motivos que levam à queda de pelos em gatos. Muitas vezes eles se referem a problemas de saúde ou mudanças que estão afetando o felino. Por isso, não deixe de conferir, abaixo, os principais motivos da perda de pelos.

Da mesma maneira, veja o que fazer para barrar esse problema. Com isso, seu gato fica saudável e plenamente feliz. Ao mesmo tempo, você evita estresse com excesso de pelos pela casa e preocupações com a saúde do pequeno!

O que faz cair o pelo do gato?

Existem inúmeros motivos que levam à queda de pelos em gatos. Veja alguns dos principais:

  • Dermatites;
  • Estresse e ansiedade;
  • Alimentação desequilibrada;
  • Queimaduras de sol;
  • Doenças;
  • Banhos excessivos e outros.

Gato chorando: o que pode ser?

Um gato chorando causa, além de dó, muita preocupação. Afinal, ele está tentando falar algo e pode estar triste, com dor ou fome. Veja como identificar.

O que fazer para parar a queda de pelo em gatos?

Existem diversas estratégias que ajudam a diminuir a queda do pelo em gatos. Separamos para você, abaixo, as principais delas. Dessa forma, veja como controlar a perda de fios e, também, como garantir o bem-estar do pet.

Escove seu gato

O primeiro passo para evitar a queda de pelos em gatos de forma excessiva é pela escovação diária. Ela ajuda a retirar os pelos que já estão soltos no corpo do animal. Também, são importantes para ajudar na limpeza e desobstrução dos poros.

Para isso, tome alguns cuidados. Primeiramente, acostume seu gato a ser escovado uma vez ao dia. Ou, ao menos, em dias alternados. Além disso, torne o momento de escovação em um momento de carinho. Assim, o felino tende a ficar mais calmo.

Outro ponto importante é: escolha a escova correta. Existem vários modelos. Enquanto alguns sequer farão diferença no pelo, outros podem machucar o gato. Assim, para encontrar um efetivo e seguro, peça orientação ao veterinário.

Por fim, jamais aperte a escova contra o pelo e a pele do felino. Isso pode machucá-lo e, ao invés de diminuir a queda de pelo do gato, aumentá-la.

Cuidado com a alimentação

Outra questão muito importante quando o gato está perdendo pelos exageradamente é analisar a sua alimentação. A dieta felina é composta em sua maior parte de proteínas. Elas devem corresponder a pelo menos 30% do que é dado ao animal.

Isso é essencial para a renovação dos pelos e para a manutenção muscular e da pele. Quando essa proporção não é seguida, então, a tendência é que a pele e os pelos do gato sofram. E isso, por sua vez, leva à queda dos fios.

Assim, certifique-se de que o seu gato tem à disposição uma ração de qualidade. Ainda, analise se ela é específica para seu felino. Por exemplo, se ele for castrado, deve seguir uma dieta para gatos castrados.

Além disso, não deixe de consultara o veterinário sobre dicas. Da mesma forma, analise com ele a possibilidade de enriquecer a dieta felina com alimentos naturais. Assim, ele come os nutrientes diretamente da fonte, sem conservantes ou corantes nocivos.

Garanta o acompanhamento veterinário

Pois bem, como não poderia deixar de ser a queda de pelo em gatos merece uma consulta veterinária. Especialmente quando a queda acompanha feridas. Ou, ainda, quando surgem grandes pedaços da pele sem pelos.

Assim, o veterinário poderá analisar seu gato devidamente. Para isso, poderá examiná-lo pessoalmente, bem como pedir exames de sangue. Com tudo isso, torna-se mais fácil identificar o real motivo da perda de pelos.

Mantenha o antipulgas em dia

Outra questão muito importante contra a queda de pelos em gatos se refere ao antipulgas. Muitas vezes os gatos perdem pelos por coçarem insistentemente uma mesma região do corpo. E isso pode ser sinal de parasitas sobre sua pele.

Assim, lembre-se sempre de manter o antipulgas e o vermífugo em dia. Para isso, veja o que indica a bula do remédio em busca de informações sobre a periodicidade de ingestão. Igualmente, não deixe, mais uma vez, de consultar o veterinário.

Analise o comportamento para entender a queda de pelos em gatos

Muitas vezes o motivo da queda de pelos dos gatos se ilustra nas lambidas insistentes que eles dão em uma mesma região. Embora esse ato de se lamber seja higiênico para os felinos, em excesso ele prejudica os pelos e leva à perda.

E essas lambidas insistentes, por sua vez, geralmente sinalizam ansiedade e estresse. Por isso, analise esses comportamentos. Junto a isso, pense em eventuais motivos para que o felino fique ansioso.

Dentre os mais comuns estão a chegada de novos membros na família, sejam eles do reino animal ou não. Da mesma forma, mudança na disposição de móveis e na casa. Outras questões são mudanças de rotina.

Ainda, não deixe de considerar que o gato pode estar entediado. Caso isso seja uma possibilidade, veja se a sua casa oferece lugares altos para ele brincar. Igualmente, se ele ganha atenção de você diariamente, com brincadeiras e carinhos.

A partir disso, será possível identificar o que incomoda o felino e o motivo da queda de pelos dos gatos. Igualmente, o que fazer para corrigir a situação.

Sinais de que o gato está envelhecendo

Você reconhece os sinais de um gato envelhecendo? Pois saiba que isso é necessário para adaptar a vida do seu pet. Veja como perceber e o que fazer.

Você também pode gostar

content

Curso de limpeza de pele online e gratuito: saiba como fazer aqui!

Existem diversas opções de curso de limpeza de pele online e gratuito. Você se profissionaliza facilmente e com zero custos. Saiba mais aqui!

Continue lendo
content

Ideias de nomes para gatos: veja as 20 mais criativas!

Cada tutor tem várias ideias de nomes para gatos, algumas mais curiosas do que outras, outras bem mais criativas. Veja aqui algumas sugestões!

Continue lendo
content

Gato Exótico Shorthair: saiba tudo sobre essa raça de gato!

O gato Exótico Shorthair é um gato ideal para famílias e se dá muito bem com crianças e outros animais. Confira aqui tudo sobre essa raça!

Continue lendo