Gatos

5 motivos para o gato estar com fome excessiva

Você está lidando com um gato com fome excessiva? Pois saiba que isso é mais comum do que se pensa. Veja motivos e o que fazer.

Anúncios

por Aline Mesquita

Publicado em 27/06/2021

Descubra os motivos para o seu gato com fome excessiva

Gato com fome excessiva
Gato com fome excessiva

Um gato com fome excessiva pode sinalizar inúmeras coisas. Desde doenças até gestação ou estresse, os motivos são diversos. Conheça hoje os principais.

Muitas pessoas simplesmente tratam como normal o aumento do apetite do gato. Contudo, isso pode prejudicá-lo. Um dos principais problemas que os felinos enfrentam é justamente a obesidade. E ela pode desenvolver doenças bastante graves.

Além disso, a fome excessiva pode ser um sinal. E a partir dele você pode reconhecer algum problema e buscar solução o quanto antes. Dessa maneira, saiba que a solução não é simplesmente dar mais comida e deixá-la sempre à disposição.

Em verdade, um comportamento desses merece uma investigação minuciosa. Igualmente, a mudança na alimentação felina para que haja equilíbrio. Para saber como fazer isso, continue a sua leitura e veja como lidar com gato com fome excessiva.

Anúncios

É normal o gato comer toda hora?

Os gatos não são de recusar comida. Eles têm um bom apetite e, além de ração, amam um petisco diferente, como saches. Apesar disso, eles não costumam ser afobados para comer. Ou seja, diferentemente dos cães, não esvaziam o pote em pouco segundos.

Eles são do time “devagar e sempre”. Ou seja, mastigam um pouco aqui e um pouco ali. É por isso que muitos donos que deixam a ração à vontade percebem que o gato está comendo com freqüência. Ele leva muito à sério as refeições pequenas e constantes.

Contudo, primeiramente é preciso ressaltar que não se indica deixar a comida à vontade. Afinal, o gato se acostumará a comer em excesso e a ter alimentos sempre que quiser. Assim, crie uma rotina com horários que não ultrapassem 12 horas entre um e outro.

Além disso, gatos que já possuem uma rotina de alimentação e apresentam mudanças podem sinalizar outras coisas. Dentre elas, doenças e alterações, como transtornos. Igualmente, podem demonstrar um sentimento ou descontentamento.

Para saber quais são os principais motivos que desenvolvem um gato com fome excessiva, continue sua leitura. Antes de vê-los, contudo, não deixe de conferir as conseqüências da alimentação felina desenfreada.

O que acontece quando o gato com fome excessiva, come demais?

Gato com fome excessiva
Gato com fome excessiva

Quando um gato come sem qualquer tipo de controle, ele tende a desenvolver a obesidade. E isso o afeta em inúmeros pontos. Primeiramente, tende a deixá-lo mais lento e sedentário. Isso, então, propicia o acúmulo de gordura e a perda de massa muscular.

Mas não é só isso, um gato que come excessivamente tende a desenvolver problemas renais, no fígado, pâncreas e tireóide. Da mesma maneira, pode desenvolver diabetes. Por isso, fique atento à tigela do seu companheiro.

Ainda, não caia na tentação de alimentá-lo sempre que ele quiser. Existem porções que são ideais de acordo com a idade e o peso. Igualmente, alimentá-lo 02 vezes por dia é mais do que suficiente. Uma boa forma é estipular uma refeição pela manhã e outra no início da noite.

Gestação felina: tudo que você precisa saber!

A gestação felina causa muitas dúvidas. Sabendo disso, separamos hoje todas as principais informações sobre o período e cuidados. Veja quais são, abaixo.

Anúncios

Gato com fome excessiva: veja 5 motivos!

Motivos para a fome excessiva do gato
Motivos para a fome excessiva do gato

Pois bem, você já sabe quais são as consequências que podem surgir quando um gato come sem imposição de limites. Mas o que levam ele a desenvolver hábito? O que significa o aumento do apetite do bichano? Veja a seguir os 05 principais motivos.

Tédio ou estresse

Os primeiros motivos para um gato com fome excessiva é o tédio ou o estresse. O tédio se apresenta quando ele não tem outro felino para brincar. Ou, ainda, quando você não tira um tempo do seu dia para entretê-lo e brincar.

Por outro lado, o estresse tem motivos inúmeros. Dentre os principais estão dores, insatisfação com a mudança de rotina ou chegada de novos animais. Por isso, busque analisar eventuais alterações recentes ou situações como essas.

Vermes

Outro motivo bem comum que justifica o gato com home excessiva é a presença de vermes. Quando ele tem parasitas em seu sistema digestivo, tende a comer mais. Afinal, parte dos seus nutrientes são roubados pelos vermes, que os bloqueiam.

Nesse caso, procure lembrar qual foi a última vez que o seu felino tomou um vermífugo. Da mesma forma, crie um calendário com a freqüência com a qual ele deve usar o remédio. Para isso, consulte seu veterinário e siga as instruções dele.

Doenças no pâncreas e na tireoide

Doenças também podem levar ao desenvolvimento de fome excessiva pelo gato. Por exemplo, alterações na tireóide aumentam o metabolismo do felino. Com isso, ele precisa aumentar seu consumo de alimentos para garantir energia.

Ainda, doenças mentais também podem ser o motivo para estar o gato com fome excessiva. Dentre as principais estão depressão e ansiedade.

Gestação felina

Ainda, caso o gato que estejam com fome em excesso seja uma fêmea não castrada, alerta! A fome adicional pode indicar uma gestação. Por isso, analise se a gata tem livre acesso ao ambiente externo ou a outros animais.

Também, leve-a a um veterinário. Ele será capaz de fazer os exames necessários para concluir se está diante de uma gestação ou não. Ela dura apenas 02 meses e nas primeiras 04 semanas não há tantos sinais físicos.

Mudança de rotina alimentar

Outra questão que pode alterar a fome do bichano é uma alteração na rotina de alimentos dele. Isso pode envolver, por exemplo, refeições que não seguem a mesma quantidade de ração. Quando uma hora você dá muitos alimentos e, em outra, poucos.

Além disso, o gato com fome excessiva pode demonstrar esse comportamento mediante a troca da ração. Seja pelo novo sabor ou aroma, ele pode aumentar o seu consumo. Por fim, pode ser fruto da suspensão da concessão contínua de alimentos.

Seja como for, não deixe de analisar os últimos acontecimentos que possam ter relação com a mudança de comportamento. Também, leve o seu gato até uma consulta veterinária. Com isso, você poderá fazer todos os exames que possam reconhecer algo fora do lugar.

Dessa forma, garanta o bem-estar do seu companheiro de 04 patas. E, saiba sempre, gato com fome excessiva deve ser visto como um sinal!

Comportamentos que gato não gosta: conheça 10!

Você sabia que existem comportamentos que o gato não gosta? Eles podem estressá-los e irritá-los, o que é indesejável. Veja quais são a seguir.

Sobre o autor

Aline Mesquita

Redatora profissional e Analista de Sistemas, apaixonada pela escrita e pelo aprendizado! Especializada em Marketing de Conteúdo e SEO.

Revisado por

Luiza Lamas

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Curso de tricô e crochê: saiba tudo sobre ele e como fazer!

O curso de tricô e crochê é uma das várias opções para empreender e ganhar uma renda extra. Tire suas dúvidas aqui mesmo!

Continue lendo
content

Veja como fazer envelope de carta: modelos fáceis para fazer em casa!

Clássico, de coração, personalizado... Veja ideias de como fazer um envelope de carta e aproveite para criar seu próprio design!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como baixar e usar o aplicativo Cadê o Ônibus?

Tenha acesso a todas as linhas de ônibus da cidade de São Paulo e região com o aplicativo Cadê o Ônibus! Veja como baixar e usar para conferir informações em tempo real sem complicações.

Continue lendo
content

Como fazer cadastro no App Melhores Destinos?

Com uma interface simples e intuitiva, o aplicativo do Melhores Destinos é ideal para quem quer enxugar o orçamento de viagem. Além de promoções de passagens aéreas, ele também oferece cupons de desconto e alertas de preço.

Continue lendo
content

Como solicitar o cartão de crédito Banrisul Mastercard Black?

O cartão Banrisul Mastercard Black é o melhor cartão disponível no banco. Esse produto financeiro está disponível para o público de alta renda e até mesmo quem não é correntista pode solicitar o seu.

Continue lendo