Animais

Cachorro fazendo xixi fora do lugar: o que fazer?

Problemas com cachorro fazendo xixi fora do lugar? Pois não se preocupe. Confira as principais causas e soluções para corrigir esse comportamento!

Anúncios

Descubra como agir quando o cachorro está fazendo xixi fora do lugar

Cachorro está fazendo xixi fora do lugar
Cachorro está fazendo xixi fora do lugar

Um cachorro fazendo xixi fora do lugar pode sinalizar inúmeras coisas. Desde ansiedade até desconfortos e doenças, os motivos são diversos. Contudo, existem soluções, veja!

Os cães podem apresentar, mesmo depois de adultos e aparentemente acostumados, comportamentos diversos. E um dos mais comuns é o xixi fora do lugar. Isto é, fora da fralda higiênica ou, então, do horário do passeio.

Isso, sabemos, é desagradável. Afinal, o cheiro do xixi canino é forte. Além disso, isso pode levar ao estrago de móveis ou à criação de manchas. Por isso, buscar tratamento e soluções é muito importante.

E elas são diversas, da mesma forma que as causas são. Abaixo, você encontra mais informações sobre esse comportamento. Igualmente, como eliminá-lo. 

Anúncios

Porque o cachorro desaprende a fazer xixi no lugar certo?

Veja os motivos que levam o cachorro a fazer xixi fora do lugar
Veja os motivos que levam o cachorro a fazer xixi fora do lugar

As causas para tal comportamento do cachorro pode resultar em inúmeros fatores. Contudo, antes de mais nada, precisamos deixar uma coisa clara. O seu cão não está lhe punindo ou demonstrando raiva.

Em verdade, os cães possuem sentimentos. Contudo, remorso, culpa ou ressentimento não são típicos dos cachorros. Dessa forma, elimine desde já essa possibilidade, pois ela inexiste. Mas, então, quais são os motivos?

Os motivos são os mais diversos. Por exemplo, a simples existência de obstáculos até o banheirinho dele. Igualmente, a ausência de passeios em números adequados às necessidades.

Ainda, pode ser resultado de uma desordem fisiológica. Da mesma forma, de questões psicológicas. Não raro, por exemplo, mudanças no lar ou a chegada de outros pets levam os cães a fazerem isso. Até mesmo por uma questão de instintos, como no caso de chegada de novos pets.

Conheça alguns dos principais motivos a seguir:

  • Mudanças no lar;
  • Chegada de novos pets;
  • Demarcação de território;
  • Doenças reprodutivas;
  • Artrite;
  • Doenças urinárias;
  • Ansiedade.

E o que fazer, seja qual for o motivo? Abaixo, confira as soluções para os comportamentos negativos do seu cão. E veja soluções possíveis para tal problema.

Cachorro não quer comer: como ajudar?

Uma situação em que o cachorro não quer comer é preocupante. Afinal, a nutrição é essencial para a saúde. Veja o que fazer, então.

O que fazer com cachorro que faz xixi fora do lugar?

Cachorro está fazendo xixi fora do lugar
Cachorro está fazendo xixi fora do lugar

Pois bem, são vários os motivos. Por isso, as soluções também são diversas. Dessa forma, confira nos itens que se seguem como lidar com isso!

Anúncios

Reveja a disposição do local para necessidades no seu lar

Em primeiro lugar, é imprescindível que você reveja a sua casa. Ou, então, mudanças que ocorreram recentemente. Por exemplo, você mudou de lar? O banheiro do cachorro continua no mesmo lugar?

Afinal, isso pode ser somente uma reação perante alterações na rotina. Assim, confira as seguintes questões:

  • O banheirinho do cachorro (fralda higiênica ou outro tipo) está em um local acessível? Existem obstáculos?
  • Houve alteração recente do local das necessidades?
  • O seu cão tem alguma restrição de locomoção que o impede de chegar até o banheiro?

Tudo isso é essencial. Igualmente, reveja seus costumes de passeios. Muitos tutores acostumam seus cães a fazerem as necessidades durante as voltinhas diárias. Quando você não dá essa atenção, eles podem ficar confusos ou sem condições de segurar a urina ou fezes.

Recorra ao veterinário

Caso não tenha acontecido nenhuma mudança ou não haja obstáculo, é preciso continuar investigando. E, para isso, recorrer a um veterinário é crucial. Ele é quem será capaz de examinar seu pet e analisar alguma condição física.

Por exemplo, doenças nos órgãos reprodutivos. Ou, então, questões renais ou urinárias. Dessa forma, examiná-lo é imprescindível.

Isso, ainda, ajuda você a ficar tranquilo. Por isso, não deixe de recorrer ao veterinário. Mesmo que o comportamento não decorra de uma doença, ele pode ajudá-lo a encontrar causas e soluções. 

Use feromônios para cães

Uma ótima solução para cachorro fazendo xixi fora do lugar é o uso de feromônios. Esse é o nome que se dá aos odores que os cães soltam. Eles os possuem na saliva, pelos e urina. E eles servem para dar sinais que eles sentem olfativamente.

Assim como os felinos, os cães também usam os feromônios como sinais. E aqueles presentes na urina geralmente servem para delimitar locais seguros. Igualmente, para locais que lhes pertencem. Afinal, eles também tem instinto de delimitar territórios, especialmente com a chegada de novos pets.

E esses cheiros são replicáveis por produtos sintéticos! O odor exalado pelos feromônios permite que eles sintam o odor, e entendam que tal local é o correto. Ou, então, que é seguro.

Dessa maneira, eles dispensam a urina nesses locais. Por isso, ao usar feromônios sintéticos nos móveis e casas, você pode levar seu cão a fazer xixi no local correto.

Busque adestramento

O adestramento é excelente solução, para lidar com cachorro fazendo xixi fora do lugar. Hoje, existem inúmeras opções para isso. Aliás, é possível aprender a adestrar o cão com cursos gratuitos e online.

Isso requer, primeiramente, paciência. Em média um cão demora 04 meses para abandonar hábitos antigos. Mesmo que você contrate um adestrador profissional, lembre-se de que é necessário repetir os exercícios, diariamente, em casa.

Com os cuidados necessário, então, é possível reeeducar seu cão. Assim, não deixe de aplicar nossas dicas.

Aplicando esses truques e cuidados, seu cão volta a apresentar bom comportamento. Ainda, você garante o bem-estar do seu pet e o bom convívio dele com sua família!

Cachorro no cio: como acalmar?

Nem sempre é fácil acalmar um cachorro no cio. Com os hormônios em picos específicos, eles tendem a ficar agitados. Veja, hoje, como controlar a situação.

Sobre o autor

Aline Mesquita

Redatora profissional e Analista de Sistemas, apaixonada pela escrita e pelo aprendizado! Especializada em Marketing de Conteúdo e SEO.

Em Alta

content

Receitas para gato: conheça 5 receitas incríveis!

As receitas para gato são uma opção para quem está buscando uma alimentação natural e muito saudável para seus felinos. Saiba aqui!

Continue lendo
content

As 15 raças de gatos mais carinhosas

Se você adora ficar pertinho do seu animal de estimação, precisa conhecer as 15 raças de gatos mais carinhosas que existem. Confira aqui!

Continue lendo
content

Base alimentar felina: saiba tudo o que o gato precisa

Entender a base alimentar felina é necessário para que seja possível fornecer uma alimentação saudável para seu gato! Veja mais aqui.

Continue lendo

Beleza

O Boticário é cruelty free? Saiba aqui!

Você sabe se o Boticário é uma marca cruelty free? Confira, hoje, se uma das maiores marcas de cosméticos do Brasil usa animais para testes.

Descubra se a marca O Boticário é cruelty free

O Boticário é cruelty free? Veja, hoje, tudo sobre os seus produtos e sobre a relação que a marca tem com o uso de animais em testes cosméticos e dermatológicos.

Muito se fala sobre a responsabilidade social das empresas. Ela se revela no cuidado com as leis trabalhistas e ambientais. Ainda, ao respeito à diversidade e à promoção de medidas que ajudem na construção de uma sociedade melhor e mais justa.

Portanto, quando falamos em responsabilidade social também nos referimos aos processos produtivos. E, neles, o respeito à vida. Contudo, esse respeito não deve ser apenas à vida humana, mas a todas as formas de vida que existem.

E é exatamente aqui que entra o conceito de cruelty free. Ele se refere ao uso de animais em testes para produtos humanos. Para saber mais sobre o assunto e se o Boticário é cruelty free, continue sua leitura e confira!

Produtos cruelty free: o que são? Veja aqui!

Hoje muito se fala em produtos cruelty free. Mas você sabe exatamente o que são eles? Conheça hoje e veja as vantagens e porque usá-los.

O que são marcas cruelty free?

São marcas que dispensam do seu processo produtivo o uso de animais para testes dos novos produtos e fórmulas. Por isso, esse selo se refere às fabricantes de cosméticos, produtos de higiene e de beleza que não usam animais como testes.

O termo, portanto, se refere ao respeito à vida animal e ao não uso de animais como cobaias. Porém, não diz respeito apenas ao uso direto de animais. Ele também inclui o uso indireto. Isto é, que a marca não use ingredientes cujos fabricantes usam testes animais.

Assim, exige-se que a marca não use animais em seus testes e, também, não patrocine testes de terceiros em bichos.

Portanto, para saber se o Boticário é cruelty free é necessário analisar esses pontos na sua conduta. Abaixo, então, confira se o grupo Boticário pode ser visto dessa maneira.

Afinal, a marca O Boticário é realmente cruelty free?

A marca Boticário aponta que não usa testes em animais há mais de 20 anos. Igualmente, que não faz uso de ingredientes que surgem a partir de testes em animais. Portanto, ela pode ser considerada como cruelty free.

Seus produtos possuem selos que apontam o reconhecimento dessas condições por importantes órgãos internacionais, como veremos abaixo. O que deve ficar claro, contudo, é que o Boticário pode ser cruelty free, mas não é vegano.

Uma empresa vegana é aquela que não usa ingredientes com origem animal, qualquer seja ela. Da mesma forma, requer que a empresa não patrocine eventos que sacrificam ou maltratam dos animais. 

Contudo, o que acontece é que apesar do Boticário ser cruelty free, ele usa alguns ingredientes de origem animal. Por exemplo, leite e mel, dentre vários outros. Entretanto, já é possível ver grandes avanços da marca.

Uma simples pesquisa no seu site aponta que o Boticário possui 1.017 produtos veganos. Isto é, sem qualquer ingrediente de origem animal. Além disso, todos os que são assim possuem informação nas embalagens, sendo facilmente reconhecíveis.

Por fim, cabe ressaltar que mesmo tendo alguns selos de cruelty free, o Boticário ainda causa algumas polêmicas quanto às suas condutas. Abaixo, entenda.

O que diz a marca O Boticário ?

O Boticário ressalta, em sua página, a inexistência de uso de animais em testes. Veja o que diz publicação do grupo ainda em abril de 2021:

“O Grupo Boticário e O Boticário não realizam testes em animais nos produtos fabricados em suas operações, para marcas próprias e/ou licenciadas, nem em matérias-primas há mais de 20 anos, mesmo não havendo legislação que proíba a prática no Brasil, e exige esse mesmo compromisso de seus fornecedores.

Não realizamos testes em animais e fomos pioneiros no Brasil na criação de métodos alternativos. Hoje, são mais de 50 métodos desenvolvidos por nossos pesquisadores, que garantem a segurança e a eficácia dos produtos. Entre eles, destacam-se a pele 3D – que simula a pele humana – e o organs on a chip – que atua como um órgão humano em um chip.”

Além disso, a marca se orgulha dos seus selos que atestam o não uso de animais em testes. Veja, então, o que diz a marca Boticário sobre ser cruelty free:

“Temos o selo Beauty Without Bunnies, da PETA, voltado a marcas que oferecem cosméticos e outros produtos de cuidados pessoais que não são testados em animais. Também temos o selo Leaping Bunny, o que significa que todos os produtos das nossas marcas são aprovados pela organização de proteção animal Cruelty Free International, um programa de referência internacional que certifica produtos livres de crueldade animal”.

O que dizem sobre isso?

Como vimos acima, o Boticário afirma ser cruelty free ao mesmo tempo em que sustenta selos de instituições importantes que afirmam isso. Onde estão, então, as polêmicas? Pois bem, vamos aos fatos.

Muitas instituições e representantes da causa vegana e animal afirmam que o Boticário não seria realmente cruelty free. E isso decorreria do fato de que ele faz parte da ABIHPEC (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos).

Ou melhor, não só faz parte, mas também ocupa importantes papéis no conselho da Associação. Dessa forma, em 2018 essa associação, cuja presidência estava nas mãos do Grupo Boticário, entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federar.

Essa ação, então, visava derrubar algumas leis estaduais que proíbem o uso de animais nos testes. Portanto, ativistas apontam que o Boticário não é cruelty free. E isso se deve ao fato de que ele tenta, ainda, derrubar normas que protegem o reino animal.

Nesse sentido, o principal argumento dos ativistas é que a empresa ocupava a presidência da ABIHPEC. Com isso, tomou um posicionamento nocivo e que representaria os princípios da empresa.

Portanto, mesmo que o Boticário não use testes em animais no seu processo produtivo, é como se ele estivesse sendo favorável à liberação. E, com isso, permitia outras empresas e o próprio Boticário ao uso desses testes. 

Marcas cruelty free

Você sabe quais são as marcas cruelty free? Então confira a lista completa e saiba com quem comprar sem que isso cause prejuízos aos animais.

Você também pode gostar

content

Chás que ajudam a pele: conheça 8 tipos aqui!

Existem vários chás que ajudam a pele de diversas maneiras. Pode ingerir e até mesmo usar compressas e em associação à máscara facial. Saiba!

Continue lendo
content

Alimentação para gatos: 5 perguntas importantes!

Há dúvidas sobre a alimentação para gatos, pois as pessoas dão a eles alimentos que não são aconselháveis, como o leite de vaca. Entenda!

Continue lendo